Grávida!

Neste momento batem dois corações dentro de mim, e essa é a sensação mais maravilhosa que já pude sentir. Uma explosão de emoções e sentimentos que vão desde a euforia, o encantamento, ao receio, o medo, porém estes últimos por si só vão embora, pois a alegria fala mais alto, (...)

Grávida! Grávida!

Meu mundo é...

AZUL, VERde, marrom... cheio de pipas, ursos e carrinhos!!!É isso aí, quem anda fazendo cócegas na minha barriga é um menino gostosinho que não hesitou em ir logo abrindo as pernocas e desvendar de vez esse mistério!(...)

Meu mundo é... Meu mundo é...

O quarto do Caleb!

Finalmente o quartinho do Calê ficou pronto! Desde janeiro que eu e meu marido estávamos trabalhando nele, o marido cuidou da reforma e eu da decoração, juntos, escolhemos e fizemos tudo com muito amor e carinho para receber nosso filho(...)

O quarto do Caleb! O quarto do Caleb

Caleb Nasceu!

No dia 10 de maio às 14:42h meu milagre veio ao mundo! De parto cesário, pesando 3,100kg e 48cm de pura gostosura e saúde!O Caleb é um doce de menino, dorme feito anjo a maior parte do tempo, só chora para mamar e mais nada! Uma benção de bebê! Estou MUITO feliz e amando minha vida de mamãe!(...)

Caleb Nasceu Caleb Nasceu

O relato do parto

Então, vamos ao dia mais importante da minha vida ! Bem, começo falando sobre a semana anterior, a semana 38, onde tive consulta e uma conversa franca sobre parto com o médico(...)

O relato do parto O relato do parto

sábado, 31 de dezembro de 2011

Cheers!!!

Posted by Caroline Ferreira | 0 comentários

2011 foi sem dúvida o MELHOR ano da minha vida, me tornei mamãe (a mais feliz do mundo rs) e realizei um outro grande sonho também...! Claro que houve muitos erros e tropeços, mas no balanço geral o saldo é mais que positivo!
Para 2012 não criei expectativas, sem listinhas de desejos, sabe aquelas que  antes mesmo de abril já costumamos não  saber mais onde está? Para esse ano que se inicia quero apenas curtir e amar meu filho, meu marido, ficar próxima da minha família e amigos e demonstrar a eles como são importantes para mim. O restante confio que Deus suprirá, assim como fez nesses últimos 365 dias e em toda minha vida!

Para 2012 quero o simples da vida, quero emoções!

 Que tenhamos todos uma excelente virada! Feliz Ano Novo!

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Caleb arrastando! (vídeo)

Posted by Caroline Ferreira | 0 comentários

Estou IMENSAMENTE FELIZ com a mais recente conquista do Caleb! No dia 22 de dezembro eis que o pequeno começou a se arrastar! Ah, eu tô toda boba rsrs Babando muito meu filhotinho que a cada dia se torna mais independente! O que  estimulou a façanha? Bom, Caleb ama óculos, quer tirar o meu o tempo todo e o do avô também rsrs Por um descuido os esqueci em cima do sofá, ele foi arrastando e os acançou (e quebrou) rs Depois o fiz repetir o feito para eu filmar! hahaha

sábado, 24 de dezembro de 2011

Feliz Natal!!!

Posted by Caroline Ferreira | 2 comentários
Papai Bruno, baby Calê e a mamãe Carol desejam a todos os nossos seguidores e visitantes um excelente natal e um próspero ano novo! Que Jesus possa nascer no coração de cada um de vocês! Boas festas e que venha 2012!!!

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

O primeiro suquinho! (Vídeos)

Posted by Caroline Ferreira | 0 comentários
Caleb fingindo que toma suquinho! rs



Caleb protestando após o primeiro suco! hahaha


quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

7 meses! (10/12)

Posted by Caroline Ferreira | 1 comentários
Os meses passam rápido e neste Caleb completou 7 deles! Neste mesversário não deu para ficarmos do jeitinho que gostamos, dormindo até mais tarde, 'conversando' antes de levantar... Foi um dia corrido, almoço em outra cidade, mudança para nossa casinha nova, casamento, recepção... ainda estamos na correria e continuaremos até colocar tudo no lugar, por esse motivo o blog anda meio paradinho, já as novidades não páram:
  • Calê agora aprendeu o "vem", inclina o corpinho, estende as mãozinhas e abre o sorriso quando o chamamos para o pegar no colo! rs
  • Está aprendendo a bater palminhas!!! Ainda com as mãozinhas fechadas (e só na hora que ele quer!) hahaha
  • Sentou! Tá, já faz umas semanas que ele senta por alguns segundos e tal, mas agora ele já fica bastante tempo, se equilibra melhor e claro, depois ele tomba hehe! Mas se apoiando em algo, consegue ir da posição deitado de barriga para cima para sentado, fico boba de ver! 
  •  Quer pegar tudo! Fica se esticando para mexer nas coisas, e quando não alcança com as mãos leva os pés rsrs Imagina quando estiver engatinhando??? rsrs 
  •  Está um grude com a mamãe aqui, só serve se for o meu colo. Quer ficar 24hrs no (meu) colo, se está com outra pessoa e eu passo por perto chora ao me ver e só pára quando eu o pego, será a ansiedade da separação???? Alguma mamãe já passou por isso??? HELP ME PLEASE!
  •  Personalidade forte! (um tiraninho rs) Já demonstra MUITA vontade própria e se contráriado grita grosso; Já tenho que me impor e de alguma maneira fazê-lo perceber que sou eu quem dá as cartas e que o choro dele não é sinônimo de jogo ganho. Confesso, fico com dó, mas é para o bem dele. Não quero que fique mimado ou mal educado.
  •  Levou seu primeiro tombo! Caiu do colchão de casal em que estava brincando, uns 25cm de altura e foi o suficiente para deixar um roxinho perto da sombracelha, chorou muito e só se acalmou quando o peguei no colo, mas nada de mais grave aconteceu graças a Deus. Já me culpei, já ri rsrs Mas enfim passou. 
  • Já come papinhas salgadas e adora! Já experimentou batata, cenoura, abóbora, chuchu, beterraba, batata doce, mandioca, arroz, caldo de feijão, macarrão, angu com couve, mas o que ele gosta de verdade é inhame rsrs inhame amassadinho com caldinho de feijão! Bate maior pratão haha Quanto as frutas, já provou muitas, mas as preferidas são manga e banana, ele adora bananinha amassada com mucilom e leite, bate outro pratão! rs A única fruta que ele não come é mamão. Continua mamando no peito e também mamadeira de leite ninho fortificado. Suquinhos, água e água de coco ele ama! Ofereço o tempo todo e ele já até toma sozinho, está ficando independente rsrs
Parabéns pelos 7 meses amor! Que papai do céu te proteja, dê muita saude e o abençoe. Que Ele dê muita sabedoria para eu educar bem você. Mamãe te ama muito!

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Introduzindo novos alimentos

Posted by Caroline Ferreira | 2 comentários
Pois é né, meu recém nascido completou meio ano, já cortou cabelinho, já vai até para a salinha dos bebês na igreja *-*, é um rapazico pra lá de esperto que não pára o dia todo e só meu leite já não dá mais conta de sustentar essa energia toda rsrs Por isso agora ele está começando a conhecer novos sabores! O mesversário foi repleto de novidades o cardápio do dia contou com suquinho de laranja lima, papinha de banana prata e água de coco!
Suquinho de laranja lima: Foram 30ml que iam da boquinha do Calê e do Calê para o babador rsrs Tentativa 1 FAIL rsrs Só mesmo quando já estava no finalzinho do suco foi que ele tomou um pouco. Para compensar no dia seguinte já na segunda tentativa SUCCESS! 30ml de suquinho sem voltar quase nada para o babador!
Papinha de banana prata: Ele comeu meia banana já na primeira tentativa! Engoliu direitimho e não devolveu nada para o babador, e ainda abria a boquinha quando via a colher! Lindo, lindo, lindo, lindo, lindo (....) rsrs
Água de coco:
Simplesmente amou! rsrs Bebeu tudinho, sem estranhar e rolou até umas bicotadas hahaha
E no decorrer da semana, já experimentou também:
Maçã raspadinha: Ele comeu, não com uma carinha muito boa mas comeu, porém eu notei que a maçã prendeu um pouquinho o intestino dele, então será oferecida menos vezes por semana e da próxima vez em forma de suco.
Suquinho de manga: Aprovado! Bebeu 30ml de 'gute gute' rsrs. Esse foi feito e oferecido pelo papai ( que está adorando também poder participar da alimentação do filhote) e as mangas foram colhidas também por ele, direto da mangueira da nossa futura casinha!
Mingau de arroz: O Ped liberou, disse que posso oferecer no lugar da última mamada antes de dormir, é bastante vitaminado e vai nos ajudar a dormir melhor. No primeiro momento o Caleb estranhou, mas pouco depois já aceitou bem, mas tem dias que ele não quer saber do mingau, ofereço e ele chora, coloco no peito e imediatamente sessa o choro e começa a dormir, se retiro o peito e ofereço novamente o mingau ele acorda na hora e chora denovo, malandrinho! rsrs
Biscoito, danoninho e sorvete: Bem, estes três últimos não foram aconselhados pelo ped não rsrs Mas como eu sou uma 'louca de primeira viagem' que agora liberou geral (quase) e está amando ver as carinhas que filho faz ao descobrir novos sabores, ofereci (deixei oferecerem rs). Quanto ao danoninho ele odiou, muita carinha feia que me "obrigou" a comer o pote quase todo por ele hahaha e o biscoitinho ele gostou, fica roendo um tempão e come boa parte, quando enjoa joga longe e observa as cachorrinhas irem correndo buscar rsrs Sorvete ele amou, não estranhou o gelado e dava bicotadas também rsrs
Quando amamentava exclusivamente, sempre dizia que o Caleb só iria comer biscoito, danone e afins depois que completasse 1 ano e continuo com essa opnião. Sei que tem muito açúcar, poucas vitaminas (salvo o danone, que tem até demais) e são industrializados, além de só atrapalhá-lo aprender a comer, acho que devemos criar bons hábitos alimentares desde bebezinhos, mas também não faço o tipo mãe neurótica, claro que não são alimentos que fazem parte do cardápio dele e não são oferecidos diariamente, mas quando estivermos comendo e ele olhando eu dou, sem peso nenhum na conciência. Então, por favor, não me crucifiquem.
Bem, foram estes os novos alimentos que o Caleb experimentou até o momento. É muito gostosa essa fase, uma delícia ver cada carinha, expressões que ele faz ao descobrir o novo. É tudo muito bom!

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Kits Philips Avent e ginásio Fisher-Price

Posted by Caroline Ferreira | 1 comentários
Quando me preparava para introduzir novos alimentos ao cardápio do Caleb, havia escolhido um kit de mamadeiras Dr. Brown's para ele, no entanto blogosfera afora ouvi muitos elogios em relação as mamadeiras Philips Avent, e críticas em relação as Brown's. Ainda em tempo, cancelei as Dr. Browns e comprei 2 kits Avent. Tenho muitos amigos nos Estados Unidos, minha 'sister in law' comprou para mim, e uma família de amigos que estavam voltando para o Brasil trouxeram os kits e um ginásio lindo fisher price. Tudo saiu por menos de 1/3 do que custam no Brasil. Ainda não os tenho em mãos, mas logo nossos amigos virão nos visitar. Enquanto isso estamos improvisando com o que ganhamos para alimentar o Calê.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Desenvolvimento no mês 6

Posted by Caroline Ferreira | 2 comentários
E o mês 6 está recheado de novidades:
Aprendeu a levar os pezinhos a boca rsrs Uma graça de ver!
Descobriu de vez as mãozinhas, quer pegar tudo o que vê pela frente e chora quando algo inapropriado é retirado de suas mãos;
Passa seus brinquedos de uma mão para a outra;
O móbile finalmente passou a ter utilidade, fica minutos entretido tentando puxar os bichinhos e não desiste até desgrudar todos eles rsrs;
O banho passou a ser repleto de brinquedinhos para que ele deixe o shampoo e condicionador livres rs;
Quer chutar tudo o que vê, quando as mãozinhas não alcançam se estica todo até alcançar com os pés! (acho que ele é canhoto, só chuta com a perninha esquerda rs)
Adora me ouvir cantar! Pára o que estiver fazendo e fica prestando atenção rs
Adora a 'Pit' pinscher da minha mãe, e não dá muita bola para a Lanna, minha maltês :(
Curioso! Amamentar ficou difícil, qualquer barulhinho larga o peito para olhar de onde vem!
O próximo pacote de fraldas será G, a pampers M já está deixando marquinhas vermelhas nas perninhas dele. (não era pra servir até 9 kilos?)
Ri atoa! Qualquer coisa que fazemos para o lado dele já o faz retribuir com gargalhadinhas rs Aliás, adora brincar de "achou"!
Pesou 7,600kg e mediu 67,5cm.
Está comendo frutinhas! Banana, laranja, aguinha de coco... Mas os detalhes, fotos e vídeos ficarão para o próximo post! hehe
Beijos

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Quase 6

Posted by Caroline Ferreira | 2 comentários
Hoje o dia amanheceu nublado, chuviscando, friozinho bom para dormir até tarde, ficar bem juntinho de você, debaixo dos cobertores curtindo esse último dia que antecede seu sexto mesversário. Mas você não pensa assim rsrs Acordou cedo, 6:00am já estava cantarolando na cama avisando que acordou! rsrs Pelo visto sua vontade é aproveitar esse restinho de ciclo bem 'aceso' rsrs Mas a mamãe te embalou, cantou pra você, e não resistindo já dormiu novamente, (ou será que a mamãe canta mal e se rendeu só para eu parar logo? rs)
Neste momento você está dormindo em meus braços, ainda não consegui te devolver para seu bercinho, escrevo um pouco, te admiro um pouco, sorrio sozinha e agradeço a Deus por ter me confiado você, exatamente você, bem com esses traços, esse cabelinho loiro cacheado, essa personalidade forte desde pititico, agradeço por ter me dado assim, com esse sorriso lindo que deixa todo mundo bobo, esperto que só e cheio de saúde! Agradeço por ter sido eu a escolhida para te gerar, me sinto privilegiada por ser a sua mãe! Obrigada Deus!
Pequeno já se passaram quase 6, 6 meses desde que fomos apresentados e eu te amei vendo você chorar, tanto aconteceu desde aquele lindo dia, quantas fraldas aprendi a trocar.. quantos banhos eu já lhe dei.. e quando você sentia dor, quantas vezes me desesperei.. quantas vezes já te embalei.. o quanto já cantei para você.. quanto já te acalmei.. Quantas lágrimas eu já derramei? Quantos sorrisos você já deu para mim? Quantas descobertas já vivemos juntos? E esse "mãmã" é mamãe né? Ah, deve ser sim! rs
Meu amor quantas vezes você já não adormeceu no meu seio? Ah, como foi bom te amamentar! Ver você se desenvolver e crescer forte e bonito só com o meu leitinho até aqui! Nutrir você através do meu próprio corpo, bem como era quando você ainda morava dentro de mim, vizinho do meu coração! Sua mamãe está muito feliz com nosso feito! Re-a-li-za-da! Saiba que nenhuma gota sequer do meu leite lhe foi negada, foi contato, foram momentos prazerosos só nossos que fortaleceram ainda mais o nosso vínculo, levo comigo a certeza de que você está bem imunizado, protegido e forte contra infecções! Nós conseguimos bebê!!!
Agora uma nova fase se inicia, você já está pronto para começar a comer, adquirir novas fontes de nutrição, conhecer novos sabores, mais descobertas! Daqui a pouco você vai aprender a se locomover, dentinhos vão surgir e eu vou ouvir você me chamar de "mamãe" certa de que realmente é para mim! rsrs Querido, te dei o que há de melhor em mim até aqui, tenho tentado ser uma boa mãe para você e assim vou continuar! Quero que tenha um bom caráter, seja bem educado, e que seja sobretudo feliz!
Continue crescendo meu rapazico e deixando a mamãe cada vez mais orgulhosa! Amo você!

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Bodas de Flores

Posted by Caroline Ferreira | 0 comentários
Há 7 anos atrás, nós dois estávamos nos conhecendo.
Há 4 anos atrás nós dois, recém casados, curtíamos nossa lua de mel.
Hoje somos 3! O Senhor, por herança, nos deu esse precioso presente e nos confiou o Caleb para completar nossa felicidade e transformar um casal em família!
Serei eternamente grata a Deus pelo filho querido e marido maravilhoso que ele me permitiu ter. Não consigo imaginar minha vida sem ambos!
Meu amor, muito obrigada por ser exatamente assim como você é, com todas as suas qualidades e defeitos e obrigada também por me aceitar e amar exatamente assim como sou, com todas as minhas qualidades e defeitos. Você além de meu marido e pai do nosso filho, você é meu companheiro, amigo que posso contar em todas as horas, tem ouvidos pacientes, boca e coração sábios. Nós sonhamos juntos e realizamos juntos, nossos propósitos e perspectivas são iguais, nos respeitamos e nos amamos. Nossa história é linda e o capítulo que estamos vivendo tem sido o mais perfeito! Ao seu lado me sinto feliz, amada e realizada! Te amo muito meu amor!

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Meu aniversário

Posted by Caroline Ferreira | 0 comentários
Em meu último aniversário meu rebento ainda vivia e crescia dentro de mim, eu não sabia seu sexo e nem podia o chamar pelo nome mas já radiava alegria e felicidade! Neste ano o tenho em meus braços, sinto seu cheiro e me derreto ao ouvir sua doce voz! Hoje me sinto uma mulher completa, este ano além de aniversariante eu era também mãe. Mais madura e ciente das minhas prioridades, do que realmente é importante, não me permito mais perder tempo com o desnecessário, me ocupo em amar e cuidar da minha família, educar meu filho, fazer com que seja feliz e se torne uma pessoa do bem, com um excelente caráter.
No mais eu só tenho a agradecer a Deus por tudo o de maravilhoso que tem feito em minha vida, sempre me cobrindo com o seu amor e trazendo sua providência, mesmo eu não estando tão próxima quanto deveria.
E agradecer aos amigos por me permitirem compartilhar todas estas alegrias com vocês!
Muito obrigada a todos!

Primeiro corte de cabelo (15/12)

Posted by Caroline Ferreira | 1 comentários
Caleb nasceu com o cabelo bem escuro e lisinho, no entanto aos poucos eles foram se enrolando e clareando e o belo indiozinho deu lugar a um lindo anjinho! hehe
Mas a mudança não parou por aí! Do mês 3 em diante o cabelinho dele começou a cair, as laterais caíram completamente, já a parte superior da cabeça continuou intocada. No mês 4 parou de cair, e agora no mês 5 havia começado novamente a queda. Decidi dar uma mãozinha a natureza e levá-lo no salão para acelerar o processo e igualar o cabelinho dele hehe
Aqui na minha cidade não tem salão exclusivo para crianças, então levei no que costumo ir mesmo, pois adoro a dona dele e sei que ela é uma excelente profissional. Caleb ficou sentadinho no meu colo, se comportou super bem e ainda fez amizade com a filha da dona do salão rsrs Claro, como toda mãe coruja, guardei uma mexinha do cabelo cacheado dele!!! (Agora as avós querem tomar a mecha de mim! Pode?) rs
Sempre quis ter cabeludinhos, como disse antes esse corte foi apenas para igualar as madeixas encaracoladas dele, de agora em diante, desde que não caia novamente, vou deixar crescer e ter um lindo e loiro anjo em casa! rs
Fotinho depois, no colo da vovó!

Primeiro Dia das Crianças (12/10)

Posted by Caroline Ferreira | 0 comentários
Bom, o primeiro dia das crianças do Caleb foi bem simples, eu estava planejando algo mais, porém o clima não colaborou, então passamos a manhã "conversando" e curtindo a preguiça de sair da cama graças ao tempo frio que estava fazendo rs e a tarde fomo a casa da vovó, depois passadinha na nossa futura casinha. Sim, ele ganhou presentinhos, porém gostou mesmo foi do papel de presente! rsrs

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

5 meses!!!

Posted by Caroline Ferreira | 3 comentários
Caleb acaba de completar seu 5º mesversário! E a cada dia que passa ele está mais lindo, fofo, esperto, saudável e feliz! rsrs
Sobre o desenvolvimento:
Agora meu Calê já consegue segurar e brincar com seus pezinhos! Lindo, lindo!!!
O calor chegou e o número de banhos subiu, em média 3 por dia, já toma banho no chuveiro com o papai, mas a banheira está longe de ser aposentada.
Ele adora dormir de bruço e está espaçoso que só! hehe
Aprendeu a fazer varios sons com a boquinha, estalos, bicotadas e até "bolinhas" de saliva, dá-lhe babador!
Está indo dormir mais cedo, entre 8:30 a 9 horas sempre depois do banho.
Está super durinho e AMA ser levantado no alto!
Se antes o sorriso dele já me deixava babando, agora ele aprendeu a dar gargalhadinhas!!! Ele ri alto gente! rsrs Quase morro de amor e paixão com seus Eheeee! e HEHEHEHEHE !!! Fofura!
Não gosta de ficar sentado, já elevei o assento do carrinho para o estimular mas de nada adiantou, sentar com ele só se for no conforto do colo. Mas ok, cada bebê no seu tempo.
Está pesando 7.000 kilos e medindo 67cm. Engordou 600gramas e cresceu 5cm! Compriiiiiido demais o meu bebê! rsrs Mais uma vez o ped elogiou dizendo que está muito bom, bebê esperto, se desenvolvendo super bem e com altura de 6 meses!
Esse mês ele tomou a vacina contra a meningite, não teve reação como no mês passado, mas sangrou tanto coitadinho, quase chorei junto com ele e fiquei preocupada pois demorou para o sangue estancar.
Me desculpem, mas eu necessito repetir que o tempo está passando rápido demais! Meu bebezinho está crescendo e se tornando um belo rapazinho e a mamãe aqui está mais uma vez toda nostálgica pelo que passou e principalmente apreensiva e ansiosa pelo que está por vir! Este é nosso último mês de amamentação exclusiva (sinto que preciso trabalhar meu psicológico em relação a isso) em breve meu bebezico estará sentando e até engatinhando, os dentinhos também poderão surgir a qualquer momento e já estou me ocupando com os preparativos para o seu primeiro aniversário...
Tantas novidades me fazem querer aproveitar ao máximo esse mês, sinto que um ciclo está se fechando e abrindo as portas para um lindo e novo que está para começar!
Beijos

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Cama DEScompartilhada

Posted by Caroline Ferreira | 3 comentários
Depois de meses passando o dia juntinhos e as noites ainda mais juntinhos rs, sinto que chegou a hora de descompartilhar a cama!
Ainda não DESmamei, não DESchupetei (oi?), não DESfraldei e também não entrei em DESespero! Ou seja, é a primeira vez que retiro algo antes oferecido a ele, nosso primeiro 'trauma' (okay, meu primeiro trauma).
O mês 4 chegou e eis que meu babylícia cresceu aprendeu a rolar e se tornou um tantinho espaçoso além de ter tomado um gosto danado por dormir de bruço; Por mais que eu o coloque para dormir de barriga para cima, o pequeno rola e dorme com o bumbum apontado pro céu! Depois ele DESrola, volta a posição inicial, depois rola denovo e por aí a noite vai...
É, estava difícil dormir.
Resolvi então colocá-lo para dormir no bercinho que atualmente está acoplado à nossa cama. Eu passaria a ter o enorme e dificultoso trabalho de me levantar à noite para amamentá-lo, mas ao menos nos períodos em que ele dorme nós também dormiríamos.
Pareceu vantajoso.
Passei o dia ansiosa esperando pela noite para ver o que aconteceria. Na hora de dormir foi papai roncando de um lado, no outro tinha bebê dormindo lindamente no bercinho com o bumbum apontado para o céu e a mamãe aqui em claro sentindo falta do cheirinho gostoso de Calê, verificando de 5 em 5 minutos se não havia neném sufocando no kit berço, estranhando aquele espaço extra na cama e se auto-questionando o porquê de ele não estar achando o colchão novo esquisito e tão pouco sentindo minha falta...
Mãe é bixo bobo mesmo! rsrs Não era para eu estar comemorando a noite tranquila??? Ele acordou apenas 1 vez para mamar por volta das 3am como costumava fazer (ultimamente ele estava acordando bem mais e eu acreditava que era pico, que nada!).
Ah, mas dia seguinte Caleb amanheceu com vermelhidões no rostinho por picadas de pernilongos do mal, pernilongos esses super poderosos que possuem a capacidade de atravessar o mosquiteiro do berço, além de serem ultra-resistentes e não se incomodarem com o inseticida na tomada e cuja única barreira que pode detê-los é o mosquiteiro da minha cama cuidadosamente preso em baixo do colchão (must have no quesito decoração).
- É amor, coitadinho, todo picado, vamos voltar a dormir com ele na nossa cama né? (HÁ!)
- Não precisa honey, olha aqui, temos é que trocar o refil do inseticida! (Corta barato de mãe!)
Okay, a cama foi descompartilhada, foi bom, dizem que com essa idade os bebês são malandrinhos e já conseguem assimilar ambientes né? Dizem também que se passar muito tempo ele pode ficar mal acostumado... É... estou até me acostumando com espacinho extra, daqui alguns meses eu consigo aproveitá-lo.., quando o Caleb crescer talvez ele consiga me explicar porquê ele não sentiu a minha falta... Derrepente com alguns anos de terapia eu supere o trauma... kkkkkkkkkkkk Tá parey!
Beijos

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Aniversário do positivo!

Posted by Caroline Ferreira | 0 comentários
Meu positivo
Foi no dia 16 de setembro, já fez um ano que aquelas duas listrinhas me contaram que eu era mãe! Finalmente, depois de 6 meses de tentativas meu positivo estava em minhas mãos sorrindo para mim! Milhares de sentimentos invadiam minha cabeça e coração, mas a euforia e felicidade prevaleciam e prevalecem sem dúvidas. Foi tão esperado, tão desejado, tão comemorado!
No dia 31 de novembro me descobri mãe de um menino, meu mundo se coloriu de azul, se encheu de ursos e carrinhos e passei a ser a mãe do Caleb!
O tempo passou (como passou rápido) a barriga cresceu (saudade boa) e no dia 10 de maio de 2011 conheci o rostinho mais lindo do mundo que tanto imaginei e ouvi o chorinho mais forte, sinônimo de vida que nascia e fazia a minha valer a pena!
Caleb, desde o momento em que te descobri dentro de mim minha vida nunca mais foi a mesma, até andar pelas calçadas ficou diferente, cuidado redobrado e medo bobo de cair rsrs Eu ainda tenho muitos medos, mas agora os vencemos juntos, agora você está em meus braços!
Filho você me fez entender o que é realmente importante, o que realmente é prioridade, me deixou mais amorosa e consequentemente mais amável, mudou meus hábitos minha alimentação, estimulou em mim atitudes sustentáveis a fim de deixar um planeta melhor para você e tantas outras crianças que ainda nem nasceram, despertou em mim compaixão por bebês que passam fome, sede e carência, causou em mim indignação contra tantas mulheres (não podem ser chamadas de mães!) que abandonam seus filhos, jogam em rios ou no lixo sem remorso, como se não fossem uma vida... Você me deixou tão sensível meu amor.
Nada mais é igual, soube da sua existência e você tinha o tamanho de uma sementinha de gergelim e já foi capaz de mudar meu mundo, para melhor, me tornei a mulher mais feliz, me tornei a sua mamãe!
Meu positivo 1 ano depois!
Amo muito, muito mesmo você Calê!

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Desenvolvimento no mês 4 e consulta!

Posted by Caroline Ferreira | 5 comentários
(Foto tirada no finalzinho do mês 3)
O mês 4 chegou já faz um tempinho, e chegou cheio de novidades:
  1. Rolou! É, já comemorei no face, fiz post aqui no cócegas e até direito a vídeo teve! rsrs Já deu para perceber que fiquei feliz de verdade e não faltou apoio moral mesmo né? Bom, o que ainda tenho a dizer é que agora meu baby não pára! Trocar as fraldas virou uma missão quase impossível rs Ele ainda não se arrasta, mas já explora de uma extremidade a outra da cama apenas rolando, quer rolar enquanto está no colo, quer rolar de cima do carrinho, acho que vai ser um menininho arteiro! rs
  2. Segura seus brinquedinhos! Lindo, lindo, é só oferecê-lo algum de seus brinquedinhos que logo ele estica as mãozinhas para pegá-los, e pega! (e em seguida leva a boca rsrs).
  3. Gritinhos! E não é que esse pingo de gente aprendeu a gritar? E aquele chorinho de recém nascido também ficou mais alto e forte. Se antes os vizinhos diziam que nem parecia que tínhamos bebê em casa, agora ele não tem mais dúvidas! rs
  4. Introduzindo sólidos! Não, não é nada disso o que você está pensando rsrs É que agora é tudo na boca! Mãozinhas, toalhinhas, brinquedinhos, o próprio babador... Até a chupeta que até então ele aceitava mas não fazia a mínima questão ficou mais interessante, exercendo a função do mordedor, claro rsrs O mordedor por sinal foi muito bem aceito! rs
  5. Super carinhoso! Ah eu morro de amor por ele! rsrs Agora meu bebezico deu para fazer carinho! É uma delícia, ele mamando e passeando com as mãozinhas em mim; Também faz carinhos no meu rosto e já está aprendendo a dar beijinhos rs
  6. Se entrerte sozinho! Gosta mais de sua cadeirinha vibratória, se balança nela sozinho e tenta pegar os bichinhos do móbile, assiste seus dvds por mais tempo por si mesmo e também passa bastante tempo brincando com suas mãozinhas, toalhinhas e afins. Um fofo!
  7. As cólicas acabaram! Graças a Deus foram embora de vez ainda na metade do terceiro mês e nunca mais voltaram para nos incomodar! Bebezinho e mamãe felizes da vida!
  8. Vocabulário ampliado! Seu 'Calebês' está a cada dia que passa mais complexo, ele dispara em um "mãmá mãmá mãmá" que me deixou toda orgulhosa e boba, embora eu ainda não tenha certeza se a palavrinha está relacionada com mamãe ou mamar ou o mais provável que é não estar relacionada a nada hahaha
  9. Bebê bem humorado! O Caleb distribui sorrisos o tempo todo! E eu adoro vê-lo sorrir! Volto a infância usando os artifícios possíveis para ver a risadinha mais gostosa aparecer! Imito galinha ouvindo GP e ele adora rs, o faço de guitarra ao som da Baratinha hahaha, danço, canto, faço caras e bocas e me divirto a beça com meu filho!
  10. Estranhando! Todos aqueles que não convivem diretamente com ele andam ganhando um belo biquinho de mágoa seguido por um chorinho manhoso quando se engraçam para o lado do Calê... Aí é só ganhar colinho da mamãe ou papai que o chorinho sessa na hora! É uma situação um pouquinho constrangedora, dizem por aí que é fase e logo passa. Tudo é fase né?
O sono: Nossas noites ainda são um mistério, aquela rotina de acordar sempre por volta das 3am para mamar não existe mais. Ultimamente já dormiu por até 6h e 30m seguidos, mas também já acordou até 4 vezes na mesma noite sem dor ou fome, querendo apenas brincar e conversar, posso?
A alimentação: Já completamos 4 meses de amamentação exclusiva! E ainda assim eu e o ped concordamos em continuar apenas com LM por enquanto, afinal, as cólicas acabaram de ir embora, vamos deixar o sistema digestivo dele amadurecer mais um pouquinho antes de apresentar outras novidades.
O crescimento: Definitivamente o Caleb não faz o tipo bebê gorduxinho, mas também está longe de jogar no time dos magrelinhos hehe Com exatos 4 meses pesou 6.400kg e mediu 62cm. Engordou apenas 600 gramas e cresceu 4 cm.
-Dr. devo complementar, ou introduzir sucos e frutas?
-Porquê você quer complementar?
-Eu não quero, mas também não quero que meu filho fique com fome!
-Mãe, seu filho chora sem motivo aparente?
-Não doutor.
-Caroline, o Caleb se demonstra um bebê triste, sempre irritado?
-Não, muito pelo contrário doutor J., ele está sempre feliz!
- Você sentiu alguma diferença na sua produção de leite? Diminuiu?
- Não, nenhuma diferença, não.
-O Caleb esvazia sempre as duas mamas quando vai mamar?
-Sabe J. até comentei isso com minha mãe, ele NUNCA esvaziou as duas mamas não, sempre mama uma e deixa a outra ainda com bastante leite, eu insisto mas ele não quer mais e ponto. Mas sei que ele está saciado, pois arrota alto e às vezes ainda volta um pouco de leite, ate comentei com o sr. que suspeitava de refluxo mês passado lembra?
-Lembro sim, me lembro também que ele não apresentou nenhum outro sintoma de refluxo e meu diagnóstico foi outro: Gula!
(Risadas)
- Mãe, fica tranquila, seu bebê não passa fome não! Te encorajo a continuar amamentando sempre que o Caleb quiser e sem complemento, seu leite é suficiente para seu filho, mas se você complementar aí sim ele vai começar a diminuir, as mamadas que você deixará de dar deixarão também de estimular sua produção. E agora que as cólicas foram embora você já vai apresentar algo novo ao sistema digestivo dele? Ah, vamos deixar amadurecer mais!
O pediatra disse ainda que está muito bem, e que não foi pouco não, mas admitiu que ele poderia ter engordado mais sim se não fosse o *intestino preso demais, seguido de um intestino solto demais que aconteceu no decorrer do mês, além de ele ser um bebê bem ativo, não pára de mexer um minuto as perninhas e bracinhos, e ainda completou dizendo que NUNCA devemos comparar bebês, pois é cada um no seu rítmo, "bebês diferentes, pais diferentes, alimentação diferente e biotipos diferentes..." E também esclareceu que sucos e frutas são bem menos calóricos que leite materno, portanto surtiria efeito contrário e blá blá blá...rs Okay seu ped. Entendi. rs Vamos continuar só com meu leitinho então!
*Aprendi que bebês que mamam LM nunca terão o intestino preso e é normal que passem até uma semana sem fazer cocô, desde que não demostrem irritabilidade com isso, já que LM é de fácil digestão e o corpinho deles podem absorver todos os nutrientes e não produzir bolo fecal suficiente por até 7 dias.
Quando ocorreu esse episódio do 'falso intestino preso' ofereci suco/chá de ameixa para o Calê, o que acabou soltando demais o intestino dele por 6 dias. Quando descobri meu mal feito chorei, me culpei, mas aprendi. Meu erro foi só mais uma tentativa frustada de acerto. Amor demais dá nisso, o que significa que inúmeros outros erros ainda estão por vir.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

4 meses!

Posted by Caroline Ferreira | 1 comentários
Hoje eu o amo com todo o meu coração, amanhã descubro que posso o amar ainda mais!
É assim que têm sido até hoje e vai ser para sempre com toda certeza. Será em vão ficar aqui me esforçando para descrever esse amor, passaria o dia tropeçando nas palavras e ainda assim nada chegaria ao menos perto do que sinto por você. É imensurável, indescritível e incomparável.
4 meses se passaram desde que você chegou, 4 lindos meses cheios de descobertas, alegrias, risos, medos e preocupações, vividos intensamente dia após dia na finalidade de curtir ao máximo seu desenvolvimento e suas descobertas e ainda assim fica a sensação de que passou rápido demais, agora aquela rotina que você chegou revirando já está ajustada novamente, nós nos adaptamos a você e você se adaptou à nós, agora tem brinquedos espalhados pela casa, roupinhas de bebê colorindo toda quinta nosso varal, quando saímos às compras o carrinho volta de cheio de fraldas, lenços, sabonete e shapoo cheiroso de neném. Sim, temos um bebê lindo em casa! Temos você filhotinho, embrulhadinho de presente dado por Papai do Céu!
Parabéns pelos 4 meses de vida, obrigada por me fazer essa mamãe tão feliz e orgulhosa, obrigada por inverter minhas prioridades e me fazer entender o que realmente é importante!
Amo você pequenininho, mas saiba que ao mesmo tempo é muito mais que amar!

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Caleb em Ação! (vídeos)

Posted by Caroline Ferreira | 6 comentários
Calê conversando com a mamãe! Fofurinha minha!!!
Calê rolando! Meu bebezinho precoce!!! rsrsrs
Beijos!

sábado, 27 de agosto de 2011

Ele Rolooouuuu!!!!

Posted by Caroline Ferreira | 3 comentários
Gente o Caleb (com 3 meses e meio) rolou pela primeira vez ontem!
Manhãs atrás fiquei super confusa quando acordei e me deparei com meu filhote dormindo de bruços, até ontem acreditava que eu mesma tinha o colocado nesta posição sem perceber depois da mamada da madrugada... que nada, ele rolou sozinho!!!
Ah, eu fiquei feliz demais e super empolgada com a novidade! A cena foi hilária com minha mãe, eu e nossa gritaria na torcida por ele rsrs Apoio moral não faltou! O mais engraçado é que ele ainda não sustenta a cabecinha direito e depois de rolar fica batendo ela feito um 'pica-pau' contra a cama desesperado tentando rolar de volta! hahaha
Sei que agora é atenção e cuidado redobrado pelo meu bebê precoce pois é só colocá-lo na cama que ele já quer praticar a nova conquista!
Estamos passando por um salto de desenvolvimento longo e chatinho, mas depois desses saltos sempre "rola" rs algo novo, e esse até então foi o mais recompensador!
Beijos

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Fases de crescimento e desenvolvimento que modificam o sono do bebê e da criança.

Posted by Caroline Ferreira | 2 comentários
Encontrei este artigo no Guia do Bebê, é enorme mas gostaria de compartilhar aqui no blog:
O desenvolvimento e o crescimento do bebê no primeiro ano e além podem provocar alterações no seu sono. Veja como saltos de desenvolvimento, picos de crescimento e angústia de separação podem interferir no sono. Desenvolvimento do Bebê
O primeiro ano da criança é uma fase de mudanças extraordinárias para toda a família. Esse período é excitante e desafiador, quando bebês aprendem a comunicar suas necessidades e pais aprendem como atendê-las.
Você pode pensar que o desenvolvimento do seu bebê (como aprender a rolar, engatinhar e andar) e seu crescimento não tem nada a ver com o sono, mas a verdade é que caminham juntos! Abaixo uma descrição dos fenômenos chamados saltos de desenvolvimento, picos de crescimento e angústia de separação.
Saltos de desenvolvimento
Saltos de desenvolvimento são aquisições de habilidades funcionais específicas que ocorrem em determinados períodos. O ritmo de desenvolvimento não é constante: há alguns períodos de desenvolvimento acelerado e outros onde há uma desaceleração.
Toda vez que seu bebê desenvolve uma nova habilidade, ele fica tão excitado e obcecado com a conquista que a quer praticar o tempo todo, inclusive durante o sono. Em outras palavras, um dos ‘efeitos colaterais’ desse trabalho todo que o cérebro dos bebês está fazendo é que eles não dormem tão bem quanto o fazem em períodos que não estão trabalhando em dominar uma nova habilidade. Eles podem até resistir às rotinas já estabelecidas.
No período que imediatamente antecede o chamado salto de desenvolvimento, o bebê repentinamente pode se sentir perdido no mundo, pois seus sistemas perceptivo e cognitivo mudaram, houve uma maturidade neurológica, mas não tempo hábil para adaptação às mudanças. Então o mundo lhe parece estranho, e o resultado da ansiedade gerada é geralmente desejar voltar para sua base, ao que já lhe é conhecido, ou seja, a mamãe! Em vista disso, é comum ficarem mais carentes, precisando de mais colo, e com frequência há também alterações em seu apetite e sono.
Então, nessas fases, é preciso apenas ter um pouco de paciência e empatia com o bebê - depois do processo de aquisição da nova habilidade (como rir, engatinhar, sentar, interagir, andar) o bebê dá um salto no desenvolvimento e demonstra felicidade com o final da ‘crise’. Ou seja, por um lado, o bebê fica feliz com a nova habilidade e independência que vem junto, e já é capaz de se afastar um pouco da mamãe. Por outro lado, sente angústias e receios com essa nova situação. Isso lhe traz sentimentos dúbios: é como uma ‘dança louca’ entre separação e apego, onde o bebê irá flutuar entre os dois por um período.
A duração de cada salto é variável, mas geralmente depois de algumas semanas a fase difícil passa e tudo volta à normalidade. Bebês e crianças precisam de cuidados amorosos, empatia e novas experiências, e não de brinquedos caros. Fale com seu bebê, cante, brinque com ele, leia para ele. São atividades chave para o desenvolvimento do cérebro. Os saltos no desenvolvimento não cessam na infância, mas continuam até a adolescência. (1-2).
Essas aquisições ocorrem em vários aspectos: desenvolvimento motor (aprender a usar grupos de músculos para sentar, andar, correr, ter equilíbrio corporal, mudar de posições e outros), desenvolvimento do controle motor fino (usar as mãos para comer, desenhar, se vestir, tocar um instrumento, escrever, e tantas outras coisas), linguagem (desenvolvimento da fala, uso de linguagem corporal e gestos, comunicação e entendimento do que outros dizem), desenvolvimento cognitivo [nos dois primeiros anos de acordo com Piaget ocorre o desenvolvimento sensório-motor, que inclui habilidades de pensamento como aprendizado, entendimentos, resolução de problemas, raciocínio e memória (3)] e desenvolvimento social (interagir e se relacionar com familiares, amigos e professores, mostrar cooperação e empatia).
Certa variação entre crianças é esperada, mas uma cronologia observada experimentalmente dos períodos de saltos de desenvolvimento é a seguinte:
- 5 semanas (1 mês): a visão do bebê melhora, ele consegue ver padrões em branco e preto, passa a se interessar mais pelo ambiente que o rodeia e consegue seguir objetos brevemente com os olhos. Passa ficar acordado por períodos um pouco maiores (cerca de 1 hora ou pouco mais entre as sonecas). É também nessa época que bebê começa a chorar com lágrimas e sorrir pela primeira vez ou com mais frequência do que antes.
- 8 semanas (quase 2 meses): diferenças nos sons, cheiros e sabores ficam mais perceptíveis. Ele percebe que as mãos e os pés pertencem ao corpo e começa a tentar controlar estes membros. O bebê começa também a experimentar com sua voz. É também nessa fase que o bebê começa a mostrar um pouco de sua personalidade: é agora que os pais começam a reparar quais coisas, cores e sons o bebê gosta mais. Depois desse salto o bebê vai poder virar a cabeça na direção de algo interessante e emitir sons conscientemente. Todas essas novas experiências trazem insegurança ao bebê que provavelmente procura mais o conforto do peito da mãe. Isso pode deixar a mãe preocupada se produz leite materno suficiente, o que não procede, já que a produção se ajusta à demanda (ver abaixo também sobre picos de crescimento).
- 12 semanas (quase 3 meses): o bebê descobre mais nuances da vida: nessa idade o bebê já pode enxergar todo um cômodo da casa, vira-se quando ouve sons altos, e consegue juntar suas mãos. Vai observar e mexer no rosto e cabelo dos pais e vai perceber que pode gritar. Depois do salto o bebê praticamente não vai mais precisar de apoio para manter a cabeça erguida. Como nos outros saltos, os pais são o porto seguro do mundo do bebê e ele se apoia nisso. Ele pode começar a reagir de maneira diferente fora de casa ou no colo de um estranho. Ao mesmo tempo que o bebê tem uma grande curiosidade em reparar no mundo que o rodeia, ele também é muito sensível às novidades e por isso se sente mais confortável e seguro nos braços dos pais.
- 19 semanas (4 meses e meio): por volta da 14ª. até a 17ª. semanas o bebê pode parecer mais ‘impaciente’. Esse é um dos saltos mais longos: dura cerca de 4 semanas, podendo porém se estender por até 6 semanas. O bebê chora mais, apresenta mudanças extremas de temperamento e quer mais atenção e colo. Consegue alcançar e pegar um brinquedo, sacudi-lo e colocá-lo na boca, passá-lo de uma mão para outra. Pode ganhar o primeiro dente. Os sons que o bebê emite se tornam mais nítidos e complexos, consegue fazer alguns sons como ‘baba’, ‘dada’. Tudo cheira, soa e tem gosto diferente agora. Dorme menos. Estranha as pessoas e busca maior contato corporal quando está sendo amamentado. Depois desse salto o bebê vai poder virar de costas e de barriga para baixo, e vice-versa, se arrastar pra frente ou pra trás, olhar atentamente para imagens num livro; reagir ao ver seu reflexo no espelho e reconhecer seu próprio nome.
Esse é um dos saltos de desenvolvimento mais significativos e em que um maior número de mães costuma relatar alterações no sono. Provavelmente porque o padrão de sono parecia entrar num ritmo desde que o bebê nasceu, e essa alteração é vista como uma ‘regressão’, na qual o bebê tende a acordar bastante por algumas semanas enquanto está trabalhando no salto. E uma vez que esse salto está completo há somente 1 ou 2 semanas antes de começar a trabalhar no próximo (das 26 semanas), é um longo período de sono ruim e bebê irritado nesse estágio da vida.
- 26 semanas (6 meses): Já na 23ª semana o bebê parece se tornar mais ‘difícil’. Ele busca maior contato corporal durante as brincadeiras. O bebê já consegue coordenar os movimentos dos braços e pernas com o resto do corpo. Senta sem apoio e põe objetos na boca. Nessa idade ele começa a entender que as coisas podem ficar dentro, fora, em cima, embaixo, atrás, na frente, e usa isso em suas brincadeiras. Ele passa a entender que quando a mamãe anda, ela vai se afastar e isso o assusta, então reclama quando a mãe sai de perto. Depois desse salto o bebê vai ficar interessado em explorar a casa, armários, gavetas, achar etiquetas, levantar tapetes para olhar o que tem embaixo. Ele se vira para prestar atenção nas vozes, consegue imitar alguns sons, rola bem em ambas direções e começa a se apoiar em algo para ficar de pé. Adquire maturidade para receber alimentos sólidos. Essa fase pode durar cerca de 4-5 semanas.
- 30 semanas (7 meses): o bebê tenta se jogar adiante para alcançar objetos, bate um objeto em outro. Pode começar a engatinhar, a falar algumas sílabas e entende melhor o conceito de permanência das coisas. Pode fazer sinal de tchau. Sente ansiedade com estranhos.
- 37 semanas (8 meses e meio): o bebê fica ‘temperamental’, tem mudanças frequentes em seu humor, de alegre para agressivo e vice-versa, ou de exageradamente amoroso para ataques de raiva em questão de momentos. Chora com mais frequência. Quer ter mais atividades e protesta se não as tem! Não quer que troquem sua fralda, chupa seus dedos. Protesta quando o contato corporal é interrompido. Dorme menos, tem menos apetite, movimenta-se menos e “fala” menos. Às vezes senta-se quieto e sonha acordado. O bebê agora começa a explorar as coisas de uma forma mais metódica. Passa a entender que as coisas podem ser classificadas, por exemplo, sabe o que é comida e o que é animal, seja ao vivo ou em um livro. Fala "mamá" e"papá" sem distinção de quem é a mãe ou o pai. Engatinha, aponta objetos, procura objetos escondidos, usa o polegar e dedo indicador para segurar objetos.
- 46 semanas (quase 11 meses): o bebê percebe que existe uma ordem nas coisas e atitudes, por exemplo, que se colocam sapatos nos pés e brinquedos nos armários. Ganha então uma consciência de suas próprias atitudes. Ao invés de separar objetos, passa a juntá-los. Depois desse salto o bebê vai poder apontar para algo ou pessoa a pedido seu, vai querer ‘falar’ no telefone e enfiar chaves nos buracos de chave, procurar algo que você escondeu, tentar tirar a própria roupa. Fala "mamá" e "papá" para a mãe ou pai corretamente. Levanta-se por alguns segundos, movimenta-se mais, entende o "não" e instruções simples.
- 55 semanas (quase 13 meses): geralmente a fase em que o bebê começa a andar - um salto no desenvolvimento bem significativo. Fala mais palavras do que "mama" e "papa". Rabisca com giz.
- 64 semanas (quase 15 meses): o bebê combina palavras e gestos para expressar o que precisa, come com as mãos, esvazia recipientes, coloca tampas nos recipientes apropriados, imita as pessoas, explora tudo que estiver à sua frente, inicia jogos, aponta partes do corpo quando perguntado, responde a algumas instruções (por exemplo, “me dá um beijo”), usa colher e garfo, empurra e puxa brinquedos enquanto anda, joga bola, anda de marcha a ré.
- 75 semanas (17 meses): o bebê usa cerca de 6 palavras regularmente, gosta de jogos de imitação, gosta de esconder brinquedos, alimenta uma boneca, joga bola, dança, separa brinquedos por cor, formato e tamanho. Olha livros sozinho e rabisca bem.
Picos de crescimento
Picos de crescimento são fenômenos que se referem ao crescimento do bebê em si, e não ao seu desenvolvimento. Nos períodos de picos os bebês começam a solicitar mais mamadas do que o usual, pois precisam de mais alimento para crescer nesse ritmo agora mais acelerado. Então o bebê que dormia longos períodos à noite pode começar a acordar mais e solicitar mais mamadas. Esta necessidade geralmente dura de poucos dias a uma semana, seguido de um retorno ao padrão menor de mamadas, mas agora com o organismo da mãe adaptado a produzir mais leite.
É muito importante respeitar a demanda aumentada de mamadas, pois somente com a livre demanda é que a produção de leite materno se ajusta perfeitamente às necessidades do bebê.
(Artigo completo em http://guiadobebe.uol.com.br/fases-de-crescimento-e-desenvolvimento-que-modificam-o-sono-do-bebe-e-da-crianca/)

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Ser pai é uma dádiva de Deus

Posted by Caroline Ferreira | 2 comentários
Este é meu primeiro dia dos pais, é um sentimento sem igual. Com 15 anos conheci uma mulher maravilhosa e já pensava em constituir com ela uma familia e aos 17 anos dei o primeiro passo, desde então desejava um filhinho(a), tanto que até pensava em nomes e imaginava como ele(a) seria. Mas foi agora com 22 anos que vim saber realmente o que é uma família e até me emociono, é algo divino, vi meu filho nascer e agora com seus 3 meses de vida vejo seu sorriso, seu sussurro tentando falar e isso tudo é muito gratificante é surreal. Ele é a continuação da minha geração, um pedaço de mim que em breve estará andando por aí. Não tenho palavras, não sou bom com elas como minha esposa Caroline, mas digo que sou um homem muito feliz agora com meu sonho realizado e quero que um dia meu filho leia esse texto que estou escrevendo e saiba que sempre foi muito desejado e muito amado por nós. Quero também agradecer primeiro a Deus que me concedeu esse enorme e tremendo presente e por ter me dado esse mesmo presente saudável, perfeito e muito tranquilo, agradecer minha esposa por ser parte deste sonho, torná-lo possível e por ser uma mãe tão dedicada, amorosa e responsavél, costumo dizer que quero ser um pai igual a mãe que ela é, e filho obrigado por me tornar conhecedor desse sentimento tão bom que é ser pai, diferente de tudo que imaginei que pudesse existir, não sei bem como descrever, mas um dia eu serei avô,você será papai e irá saber e entender tudo o que sinto agora. Filho te amo muito, que Deus te abençõe e guarde sempre. Bruno Riesi

3 meses!

Posted by Caroline Ferreira | 4 comentários
Puxa vida, meu "pequenininho" já não está mais tão pequenininho assim... rsrs
Ontem 10-08 comemoramos o 3º merversário do Calê e mais uma vez repito: -O tempo está passando depressa demais! E isso me faz sentir uma necessidade absurda de curtir, aproveitar ao máximo cada um desses dias do meu baby e não deixar nada passar despercebido.
Adoro vê-lo crescer forte e saudável, amo acompanhar seu desenvolvimento sim, mas ainda a pouco estava fazendo o que vinha adiando há algum tempo, estava reorganizando suas roupinhas, separando as que já não servem mais e dando o lugar às que passaram a servir... Nunca pensei que organizar gavetas pudesse ser tão emocionante rsrs Jamais imaginei que alguém pudesse chorar enquanto as organiza... eu chorei.
Filho você está cada dia mais esperto! Já ergue a cabeça quando está de bruços (embora não goste muito dessa posição). Desenvolve e pratica muuuuuito seu "Calebês" batendo altos papos com a mamãe todos os dias! Você está bem mais calmo, fica quietinho no carrinho me olhando e conversando enquanto cuido de suas roupinhas e da casa. Ama assistir tv e até interage com ela hahaha A hora do seu banho virou uma bagunça: a mamãe acaba sempre saindo mais molhada que você! rs Não tira mais essas mãozinhas da boca, por vezes tenta colocar as duas ao mesmo tempo! rs É nítido quando quer dormir, fica esfregando os olhos e chora um chorinho dengoooso rsrs Quando está com fome seu choro é bem alto e forte! Pequeno você já dorme até 5hrs seguidas, mas ainda acorda querendo leitinho no meio da noite, quanto a suas cólicas, elas diminuiram sim, mas insistem em nos incomodar e te causar dor ao amanhecer; mas não se preocupe filho, a mamãe desperta, se levanta e de uma maneira ou de outra as alivia e cuida de você viu? Filhotinho pesamos você ontem: 5.800kg e 58cm! Fiquei muito feliz com esses números, você engordou 950gr e cresceu 3cm! E sabe o que isso significa? Que você continuará mamando somente meu leitinho!
Te amo muito querido, é impossivel tentar descrever o quanto..!
Mil beijinhos nas suas gordurinhas de bochechas!!!

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Sobre amamentação [editado]

Posted by Caroline Ferreira | 5 comentários
Já faz um tempo que sinto vontade de escrever sobre amamentação, mas sempre por um motivo ou outro o post foi sendo adiado. Bom, como estamos na Semana Mundial de Aleitamento Materno (SMAM) que acontece todo ano de 1 a 7 de agosto, vou aproveitar o momento escrevendo minha experiência até aqui. Durante a gravidez eu não idealizei muita coisa sobre parto, maternidade, rotina, criação de filhos, sempre deixei para experimentar as possibilidades na prática, procurei viver intensamente aqueles 9 meses me ocupando com outras coisas, como a saúde do bebê, exames, enxoval, quartinho e tudo o mais que vocês conhecem bem. Até que em um dia de trabalho, minha cliente me pede licença, se senta em um puff no canto da loja com o filho chorando nos braços, desabotoa a blusa e começa a o amamentar. Como que em um passe de mágica o chorinho dele (Gabriel, ainda me lembro o nome) cessa, a expressão daquele rostinho lindo muda, ele sugava com tanta vontade que me desencadeou um bocado de perguntas em cima daquela mãe que amamentava seu filho pertinho de mim, e me fez entender porquê ela me pediu para ajudá-la a escolher blusas com botões na frente assim que chegou na loja rsrs. Enquanto ela tirava minhas dúvidas admirava nostálgica minha barriguinha que começava a aparecer e eu a admirava ansiosa alimentar seu bebê, que para finalizar, soltou o peito e abriu um sorrisão gostoso que ficou na memória da ex-grávida recém-mamãe aqui até hoje rsrs
Desde então amamentar passou a ser um ideal para mim. Procurei me informar, descobri todos os benefícios que a amamentação proporciona para a saúde física da mamãe e do bebê, além da emocional, vínculo, contato, a capacidade que uma mãe possui de nutrir seu filho através do seu próprio corpo, bem como era quando ele ainda estava dentro dela. Me maravilhei!
Todo ideal planejado nos faz correr o belo risco da frustação. Eu, gestante, vivia me auto questionando se seria capaz ou não de alimentar meu pequenino por mim mesma. Sempre tive seios pequenos e eis que o terrível monstro da adolescência que havia sido vencido até então voltou a me atormentar. Foram inúmeras conversas com a GO no pré-natal, que sempre esclarecia que o tamanho do seio não influia em nada a capacidade de amamentar etc etc etc, no fundo eu sabia, mas era bom ouvir rsrs Fiz o que ela aconselhou, comprei esponja vegetal e dá-lhe sol na pequena peitaria! haha Também sempre me lembrava de incluir nas minhas orações a parte "e que eu tenha muuuito leite, amém." rs
Não sei se foi a esponja vegetal ou o sol, mas com certeza tem um dedinho de Papai do céu, Caleb nasceu, emoção a flor da pele, e como manda o figurino nas primeiras horas de vida uma senhorinha enfermeira, amor em pessoa, o trouxe para mamar, ela me ajudou bastante, ensinou a pega correta e logo aquele serzinho estava ali sugando forte como se tivesse feito aquilo a vida toda! rsrs No princípio a todo momento eu oferecia o seio a ele, a informação era de que quanto mais ele sugasse, mais leite eu produziria, até que no ápice da agonia entre o 3º e o 4º dia meu leite desceu com tudo! Yes!!!
Mas nem tudo são flores, no início ele demorava horas para mamar, tive fissuras no bico dos seios que quase chegaram na carne viva, os seios sempre muito cheios faziam com que as primeiras sugadas doessem horrores, então meu marido ciente da minha vontade de amamentar comprou uma pomada para ajudar a cicatrizar as fissuras e minha mãe, também ciente, comprou um protetor de seio de silicone bem fininho. Eles salvaram a pátria! Era ruim ter que ficar passando a pomada e lavando o seio sempre que o Caleb fosse mamar, mas de fato ajudou e muito a cicatrização, o protetor também foi excelente, diminuiu bastante a dor na hora das mamadas. Porém eu e o Caleb ainda não estávamos ajustados, eu tinha MUITO leite, que por sinal começou a empedrar, tive febre alta, os seios ficavam enrijecidos, quentes, eu trocava de roupa várias vezes ao dia de tanto que vazavam. Comecei então a fazer a tal ordenha de alívio e usar conchas anti-empedramento, realmente aliviam e com as conchas passei a sujar menos roupa também. No começo eu tinha uma vergonha absurda de amamentar em público, em casa sempre ia pro quarto e ficava lá eu o Calê e Deus até o fim da mamada, atualmente já amamentei na rua, na loja, no restaurante, na fila do banco, casa de amigos e até em um casamento semana passada, sempre com um auxílio de uma fraldinha claro, vida social ativa meu bem! rsrs E no fim é só ser discreto que ninguém nem percebe, as vezes tentam tirar a fraldinha do rosto dele e eu recoloco explicando: Tá mamando! rsrs
Confesso que por vezes pensei em desistir, houve um pico de crescimento no primeiro mês e o Caleb passava o dia pendurado no peito e com o sono muito leve, cheguei a pensar que meu leite não estava o sustentando mais, mas alguns dias depois tudo normalizou e no fim do mês a surpresa: 5cm e 900gr a mais! O ped explicou que é normal e vez ou outra esses picos vão aparecer. Outro fator que me tentou a comprar uma latinha de Nan foi eu me sentir muito presa em casa por conta de o Caleb mamar exclusivamente LM, aprendi então que posso tirar leite e guardar na geladeira por 12hrs ou até congelar por 12 dias, demora absurdo para ordenhar leite, mas decidi fazê-lo e não substituir essas gotinhas preciosas por nada para meu bebê e vem dando certo, depois é só esquentar em banho maria fora do fogo e o resultado é bebe saciado mesmo com mamãe fora de casa. Ainda um outro motivo é a alimentação da mãe, tem que abolir muita coisa da dieta quando estamos amamentando, mas de tudo isto é o mais fácil, difícil é ter que aguentar pitaco do mundo julgando tudo o que você faz com o seu filho!
Praticamente 3 meses depois o ajuste entre nós é perfeito! Sinto que o peito começa a enrijecer, querendo vazar e lá está meu Calê aos berros de fome rsrs Agora ele já mama BEM mais rápido e meio que a livre demanda, nunca marquei horário certo porque acho que por enquanto ainda é cedo para ele entender a diferença entre almoço e jantar, mas logo iniciarei uma rotina e isso será feito. Pretendo continuar amamentando meu filho com leite materno exclusivamente até os seus 6 meses, desde que ele continue saudável, crescendo e ganhando peso como tem sido até hoje, e ao mesmo tempo cuido para que nosso momento continue sendo prazeroso e não vire uma neurose.
Apoio e incentivo a amamentação sim, mas não julgo nem desrespeito quem não quis, ou por algum motivo não pôde amamentar, sei que este é um assunto delicado e complexo, sei também que temos disponíveis leites amaternizados excelentes, é do meu conhecimento que algumas mães se sacrificam para comprá-los, afinal são bem caros, em nenhum momento mencionei que uma mãe que dá mamadeira para seu filho é menos mãe ou o ama menos por isso, apenas quis compartilhar minha experiência com todos.
Posso dizer que sou uma vaca realizada! rsrs Neste momento enquanto escrevo ele está aqui à tiracolo fazendo o que há de mais sagrado para ele: Mamando! E sim, é uma de-lí-ci-a, é contato, pele, é meu próprio corpo nutrindo meu filho, fazendo com que cresça, se desenvolva, ganhe peso! Durante algumas mamadas fico na net, outras corto as unhas deles (sim desenvolvi uma técnica especial para isso), limpo suas orelhinhas hahahaha mas sempre de tardezinha me deito com ele, faço carinho, conversamos rsrs, ele fica com aquele olhão arregalado me encarando, eu o encaro de volta, olho no olho, cumplicidade, o tal vínculo...
A cena não tem nada a ver com o que vemos na televisão, com as globais em suas lindas camisolas de seda e hobby esvoaçantes arrastanto pelo chão, cabelos arrumadíssimos e maquiagem impecável. A cena é bem outra, uma mãe com a expressão cansada, blusas largas ou de botão, com o cabelo amarrado para cima, e a maquiagem... o que é isso mesmo??? rsrs Meu bebê não faz questão de muita coisa, é o nosso momento e é recompensador, dias atrás, no fim da mamada, eu ganhei um sorrisão, igual aquele do Gabriel rsrs e meus olhos marejaram...

Vacinação - Segunda Etapa

Posted by Caroline Ferreira | 0 comentários

Estamos perto da segunda etapa da campanha, que acontece em 13 de agosto.

Lembrem-se que todas as crianças menores de 5 anos vacinadas na primeira fase, devem retornar ao posto de vacinação para receber a segunda dose de gotinhas contra a pólio.

E tem mais: de 13 de agosto a 16 de setembro, será realizada a vacinação contra o sarampo. Neste período, todos os pimpolhos de 1 ano a menores de 7 anos devem se imunizar, mesmo os que já tomaram a vacina.

A vacinação contra o sarampo acontecerá apenas nos seguintes estados: AC, AM, AP, DF, ES, GO, MA, MS, MT, PA, PB, PI, PR, RN, RO, RR, SE, SC e TO.

Fiquem atentos e levem seus filhos!

Beijos mamães!

sábado, 30 de julho de 2011

Lembram do tal beicinho?

Posted by Caroline Ferreira | 4 comentários
Lembram do tal 'beicinho' que mencionei neste post aqui?
Finalmente consegui fotografar!!! hahahahaha Como não estava com câmera por perto, tirei do iphone mesmo, por isso a qualidade não ficou muito boa, mas ainda assim, não é a coisa mais linda meu bonitinho?????? rsrs
Bom fim de semana!!!
Bjsss

terça-feira, 26 de julho de 2011

A mãe que eu sou

Posted by Caroline Ferreira | 8 comentários
Sou uma mãe naturalista que pariu agendando uma cesária eletiva para a 39ª semana de gestação.
Sou uma mãe feminista que chutou o emprego para simplesmente ser mãe full time, ou não tão simples assim...
Uma mãe naturalista que usa chupeta, fralda descartável, lenços umidecidos e afins.
Uma mãe feminista que amamenta seu filho exclusivamente com leite materno sem rotina exata para isso.
Sou uma mãe naturalista que usa carrinho de bebê (mas confessa que está morrendo e matando por um sling rs)
Sou uma mãe feminista que pratica cama compartilhada e sente falta do rebento quando ele ocasionalmente dorme no berço.
Sou a mãe do Caleb e confio mais no meu instinto materno, essa vontade e querer inquestionável de fazer o certo, mesmo errando, do que em rótulos impostos pela mídia e sociedade, esses eu dispenso.
É maravilhoso ter acesso a informação, direito de escolha, nada de fórmulas mágicas que funcionam para todo mundo, somos mães diferentes com bebês diferentes que nasceram em épocas diferentes. A única coisa que deve prevalecer igual é o respeito mutuo, em todas as outras situações podemos ESCOLHER, sem neuras, culpa ou frustações!
Beijos

Fraldas

Posted by Caroline Ferreira | 2 comentários
Reparei que todo blog sobre babys que se preze tem a tal postagem sobre fraldas, e como o cócegas é um blog de grande estima (oi?) lá vamos nós!
Okay, vou dar uma resumida que é pra não ficar aquela coisa repetitiva...
Me fizeram um chá de fraldas (thank's sogrinha querida), e eu ganhei zilhões delas, de tamanhos, cores e marcas diferentes, sei que o ideal é usar sempre a mesma marca, mas ficaram com vergonha de colocar que eu só queria pampers no convite hahaha Sendo assim, choveu 'Turma do Pipi' e 'Baby Rogers' na minha horta (já ouviram falar? rs) Mas o chá não foi totalmente em vão, a torta tava uma diliça kkkkk Brincadeiras a parte, ganhei bastante pampers e huggies também!
Como boa louca de primeira viagem, testei aquilo tudo! O lado bom é que descobri que o Caleb é muito resistente a alergias kkkkkkkk Não devemos julgar livro pela capa, mas se o item em questão for fraldas julgue sim!, aquelas que você olha e pensa "é muito plástica, desconfortável, vai vazar e feder, " saiba que vai acontecer exatamente tudo isso mesmo rs e com sorte, se você trocar toda hora o pequeno não assa! Uhulll!!! Sério gente, tem fralda que a gente troca orando pro pacote acabar logo! rsrs
Se eu for avaliar uma por uma as fraldas que ganhei/comprei aquela ideia inicial de fazer um post pequeno não vai rolar, então vou falar só das boas e das usáveis:
Top 5
  • Em 5º lugar: Cremer Baby Disney - Considero usável, é plástica, o perfume é muito forte, tem barreira antivazamento, fita adesiva, uma quantidade razoavel de gel e aqui não vazou.
  • Em 4º lugar: Personal Baby Duo Soft - Usável, é plástica, barreira antivazamento, fita adesiva, tem bastante gel e aqui não vazou.
  • Em 3º lugar: Turma da Monica Tripla proteção - É plástica, barreira antivazamento, bastante gel, deixa o bebe sequinho, fechamento com velcro e aqui não vazou.
  • Em 2º ou 1º lugar: Turma da Monica Soft Touch - Amo essa fralda, ela é de algodão , tem muito gel, fecho em velcro, barreira antivazamento, e aquele sistema elástico faz com que ela se ajuste perfeitamente ao corpo dos babys aguenta a noite toda sem vazar!
  • Em 1º ou 2º lugar: Pampers Total Confort - Adorei essa fralda, não é plástica, tem um perfume bem discreto, fechamento em velcro, barreira ativazamento, estica e se ajusta bem ao corpo do bebê, muito gel, desenhos fofos, aguenta a noite toda e não vaza!
Uso personal, cremer e Turma da Monica Tripla Proteção durante o dia porque ainda tenho alguns pacotes, mas pretendo ficar apenas com a TM Tripla Proteção ela tem fechamento em velcro e deixa o Calê mais sequinho comparada as duas outras. Para dormir uso a Pampers Total Confort ou a Turma da Monica Soft Touch, amo as duas e não sei dizer qual é melhor, a Pampers TC é mais fina, macia mas aquele elástico se ajustando perfeitamente no corpo do Caleb na TM Soft Touch me cativou!
Ainda não usei a Pampers Noturna Diurna, mas ainda vou testar, já ouvi maravilhas a respeito!
p.s: O único defeito da Turma da Monica Soft Touch e da Pampers Total Confort é o preço! hahaha Bjsss

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Cólica x Sono

Posted by Caroline Ferreira | 7 comentários
Nunca havia sentido necessidade de escrever sobre cólicas antes já que as do Calê vinham sempre no fim da tarde, no máximo umas 3 vezes por semana e passavam rápido, apenas uma massagem na barriguinha e o movimento de pedalagem com as perninhas já o aliviavam. Acontece que ultimamente elas têm aparecido com frequência, mesmo o colocando religiosamente para arrotar depois de todas as mamadas, ela aparece por volta das 9 da noite e principalmente 5 da manhã. Esse horário que a bendita escolheu para dar as caras atrapalha e muito nosso sono, atrasa nossa ida para a cama e antecipa nossa saída dela, justo agora que o Caleb tinha começado a dormir mais horas seguidas durante a noite, a rotina já se desestabilizou denovo: Pegamos no sono lá pra 12:30am, às 3am ele acorda para mamar, 5am é a luta para tentar aliviar a cólica com massagem, movimento de pedalagem, paninho aquecido, chupeta, peito, colo, oração... (já me peguei deitada na cama e simultaneamente balançando o carrinho) continuando, 8am o marido sai para trabalhar e inevitavelmente sempre acordo neste momento também... Resumindo: Estou só o pó! Mas o pior mesmo é ver meu pequeno sofrer, sentindo dor, ele se contorce todo e faz muita força para soltar os gases, chega a gemer e fica com o rosto vermelho, sinto as bolhas de ar só de encostar na barriguinha dele. Desde a alta da maternidade a pediatra já receitou remédio para cólica, ela indicou Simeticona, sempre evitei o máximo o uso e me surpreendi como o vidrinho ficou quase vazio em apenas uma semana! A verdade é que o remédio ajuda bastante, é só dar as gotinhas que ele começa a soltar pum, arrotar, o alívio é visível. O Caleb sempre foi muito bonzinho, não é chorão, sempre dormiu bem a noite, então quando ele chora é porque algo está errado. Já cortei vários alimentos, não tomo mais café nem refrigerante a fim de conseguir alguma melhora "natural", engraçado que todos dizem que com 3 meses a coisa melhora e a cólica vai embora naturalmente no entanto agora que o Calê completou 2 meses e está rumo ao terceiro a situação se intensificou. Bom, essa é minha situação e estou aceitando pitacos rs
*Só devemos usar medicamentos com prescrição médica, sendo assim se alguém quiser usar a simeticona nos babys, saibam que alivia sim, bastante, mas perguntem para o ped primeiro.

Mais selinhos!!!

Posted by Caroline Ferreira | 2 comentários
Ganhei vários selinhos há alguns dias e fiquei devendo o post, então vamos lá!
Os Primeiros: Ganhei da Drika, do blog As minhas meninas, muito obrigada Drika! A regra basicamente é esta, postar o selinho no blog, com o link da pessoa que te enviou e Oferecê-lo para 15 pessoas/ blogs
Pois bem, ofereço para todos os meus seguidores rsrsrs São 15 (contando comigo)! rsrs
O Segundo: Regrinha: 1- Falar do Blog que ganhei ' As Minhas Meninas é um blog que adoro ler, tem duas babylícias lindas e uma mamãe super simpática, sempre com dicas ótimas é muita informação de boa qualidade!
2-Falar o que mais gosta no blog e de quem ganhou o selinho Bom, o que mais gosto no blog dela é ver as fotinhos de duas gostosinhas que são o assunto de lá, as fofinhas Lara e Gabi! Há e ganhei da Drika, mãe delas.
3- Indicar o selinho para 7 blogueiras
Bruna do O Mundo de Manuella
Day do Day Delphino
Mayra do Porção de Cuti
Mãe do Miguel do Gerando um Sonho!!
Vivian do Coisas de Menino
Silmara do Vivências de Uma Mãe....
Liby do Minha vida, meus pensamentos...
Terceiro e último de hoje:
1ª regra colocar a fotinha do tagged no post
2ª regrinha
falar 10 coisas sobre mim
  1. Sou cristã
  2. Amo muito meu filhotinho Caleb
  3. Amo muito meu marido Bruno
  4. Adoro conversar e dar risada com meus amigos
  5. Acredito que família é a base de tudo!
  6. Gosto muito de ler
  7. Gosto de me cuidar
  8. Sou uma sonhadora
  9. Costumo não acordar de bom humor;
  10. Desapego facilmente
3 falar 5 ou mais esquisitices (manias) minhas
  1. Ficar jogando a franja para tráz
  2. Falar inglês e português numa mesma frase
  3. Limpar as lentes do meu óculos de grau o tempo todo
  4. Organizar a mesma coisa de modos diferentes
  5. Fazer 'bico' de mágoa/raiva
4 falar 5 coisas que me irritam
  1. Gente lerda
  2. Mentira
  3. Pseudo-qualquer coisa
  4. Falta de pontualidade
  5. Leva e traz
5 coisas que eu mais adoro
  1. Deus
  2. Meu filho
  3. Meu marido
  4. Minha família
  5. Meus amigos
6. falar 5 hobbies
  1. Navegar na internet
  2. Curtir uma piscina
  3. Tirar foto
  4. Assistir seriados
  5. Ler
7. falar 5 ou mais coisas que ninguem sabe sobre vc
  1. Tive um pouco de baby blues
  2. Amadureci cedo, aos 17 anos fui morar com meu noivo (atualmente marido) nos EUA, juntos trabalhávamos e já pagavámos nossas próprias contas.
  3. Já tomei remédios para engordar
  4. Fui batizada na igreja católica quando criança
  5. É segredo
8. O meu maior sonho
Materialmente é terminar de construir minha casinha e a decorar do jeito que sempre quis.
9. meu mair medo
Perder meu filho/família.
10 . As coisas mais importantes pra mim
Deus, meu filho, meu marido, minha família, meus amigos, minha auau Lanna e a saúde de todos eles.
 

Designed by DragonArtz | Author by Caroline Ferreira :)